Você está em: Clikaki »   Saúde » A importância do sono

A importância do sono

Veja qual a verdadeira importância do sono e quais os impactos que acontecem se não for corretamente feito esse repouso de todas as noites.

“A carência de sono pode provocar fortes impactos”

Sono

A importância do sono

Apesar de muitos acharem que dormir é uma perda de tempo, pois para alguns, nesse meio tempo muitas coisas poderiam ser feita, seguindo a filosofia de que “tempo é dinheiro” certo?! Não esse pensamento é errado dormir não é uma perda de tempo, é fique sabendo que existem muitas teorias sobre a necessidade de se dormir bem.

Uma delas é que o sono permite que ocorra mudanças importantes no organismo que são essenciais para uma boa manutenção da saúde, sendo o sono responsável por um papel importante de restaurar o corpo e neutralizar os efeitos de cansaço, organização da memória, e conservação de energias que são utilizadas nas atividades diárias.

Sem exagero nenhum a realidade é que não se pode viver sem dormir, dormir é indispensável e a falta disso pode deixar o corpo doente e em casos mais graves levar a morte.

Sono Normal

Características de um sono normal: Repouso físico e mental, reduções da temperatura do corpo, do ritmo da respiração, da maioria das funções corporais vitais, e da pressão arterial. Lembrando que o Sono é um afastamento parcial do mundo em que os estímulos externos quase não são percebidos pelos sentidos.

Sono Controlado

Características do Sono Controlado: Funciona como um relógio inteligente regulado pela luz do dia ou escuridão da noite; Controla diferentes funções do organismo, como: Níveis de hormônios, temperatura do corpo, batimentos cardíacos e padrões de sono. Este é controlado pelo comportamento individual e por sistemas fisiológicos internos, como o relógio biológico localizado no cérebro que quando algumas pessoas têm por hábito trabalhar, estudar ou exercer outras atividades até de madrugada, elas deixam o relógio biológico em descompasso com o relógio físico, o que pode ocasionar problemas para a saúde.

Mas na verdade quantas horas é preciso dormir?

Os adultos acabam necessitando de 8 horas de sono aproximadamente, enquanto crianças em idade escolar precisam dormir cerca de 10 a 12 horas por dia. Nos adolescentes, é comum acontecer o descompasso do relógio físico devido a mudanças naturais no seu relógio biológico que fazem com que eles tenham facilidade para ficarem acordados até tarde.
Já os idosos, muitas vezes, apresentam dificuldades para dormir à noite devido ao hábito de tirar cochilos ao longo do dia. Entretanto a sonolência diurna pode ser consequência de problemas de saúde, mudanças normais do corpo ou alterações no estilo de vida, como redução das atividades diárias. Estágios de sono profundo em pessoas idosas podem diminuir muito e até mesmo deixarem de existir, mas o tempo necessário de sono não diminui com a idade.

Enfim a carência de sono pode provocar fortes impactos no aprendizado, na memória, no raciocínio, na atenção e até mesmo nas emoções, sendo então necessária uma média de 9 horas e meia de sono por dia.

Curiosidades:

Alguns hormônios, como a prolactina, que auxilia a produção de leite materno e a combater doenças, só são secretados à noite e durante o sono.

A Administração Nacional de Segurança nas Estradas dos Estados Unidos estima que ocorrem a cada ano, neste país, mais de 100 mil acidentes de automóveis devido a motoristas que adormecem ao volante.

No Brasil, a Organização Não-Governamental (ONG) SOS Estradas estima que o cansaço seja responsável por 20% dos acidentes e mais de 30% das 24 mil mortes que ocorrem todos os anos nas rodovias brasileiras.

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Compartilhe este artigo:

publicidade

Comentários

Deixe o seu comentário

Siga-nos

Participe

Cadastre-se

Cadastre seu email para receber as últimas novidades

Ofertas