Você está em: Clikaki »   Saúde » Doenças » Por que a gripe é tão contagiosa?

Por que a gripe é tão contagiosa?

Atchim!

A gripe é uma doença que todo mundo, pelo menos uma vez na vida, já teve. Mas o que é a gripe na verdade?

Porque a gripe é tão contagiosa?

A gripe está entre as doenças mais antigas do mundo (Foto: Reprodução)

A GRIPE É uma doença que todo mundo, pelo menos uma vez na vida, já teve. Mas o que é a gripe na verdade?

A gripe é uma doença infecciosa aguda de origem virótica, extremamente contagiosa, que se caracteriza por uma afecção catarral das vias respiratórias superiores.

Porque é tão contagiosa?

Porque sua transmissão se dá através de pequenas gotas de saliva que se projetam ao tossir ou espirrar, o que fazem com frequência as pessoas gripadas.
espirrando

É possível afetar uma mesma pessoa duas vezes numa mesma época?

Sim, porque o vírus da gripe não é imutável, mas sofre mutações com grande facilidade, e as defesas que o organismo cria no inicio do primeiro ataque podem não ser eficazes contra os ataques posteriores.

Periodicamente se fala em certas epidemias com indeterminadas características, como a gripe asiática…

A origem desta qualificação é uma pandemia (epidemia mundial) de gripe que ocorreu em 1957 e que de tempos em tempos aparece. A mutação que apresenta esse tipo de gripe é tanta que atinge grande número de pessoas.

A expansão epidemiológica da gripe a todo o planeta é uma característica do nosso século. No final do século XIX, parecia que esta doença encontrava-se em vias de desaparecer; a primeira grande pandemia com repercussões mundiais de que se tem conhecido se deu em 1918 e provocou um quadro sério, pois acarretou a morte de vinte milhões de pessoas.

Quanto tempo dura uma epidemia?

Geralmente alcança sua intensidade máxima em dois ou três meses e depois regride.

Que medidas devem ser tomas para o combate a gripe?

O doente deve ficar na cama, ingerir alimentos leves e nutritivos e beber muito liquido. A tosse e as dores atenuam-se com remédios indicados especificamente para o seu tratamento, independentemente de que sejam ou não resultado da gripe ao contrario do que diz a crença popular, é inútil o doente transpirar.

Os antibióticos fazem algum efeito?

Antibioticos

Diferente do que muitos imaginam, antibióticos não fazem efeito contra a gripe. (Foto: Reprodução)

Os antibióticos não são adequados para combater a gripe, já que ela, como se disse, é provocada por vírus e os antibióticos combatem apenas as infecções produzidas por bactérias. Contudo, quando existe perigo de uma complicação broncopulmonar por sobreinfecção bacteriana, os antibióticos são eficazes para prevenir esta ultima.

E a vacina antigripal?

Vacina antigripal

Vacinas antigripais são usadas em casos específicos, principalmente. (Foto: Divulgação)

A vacina antigripal é eficaz unicamente se o vírus a partir da qual ela foi elaborada conhecedor com o da infecção a se previnir. As dificuldades para que se produza tal conhecidencia são enormes, já que as características do vírus mudam de um ano para o outro. Somente depois de se manifestar uma nova modalidade de gripe, dispõe-se dos elementos necessários para se adequar a vacina à epidemia concreta.

A Organização Mundial da Saúde criou uma série de centros dedicados a isolar e identificar os vírus gripais isolados para distribuí-los a todas as nações a fim de que sejam produzidas as vacinas. Mas em muitas ocasiões não é possível obter a tempo as doses suficientes para se deter uma epidemia.

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Compartilhe este artigo:

publicidade

Deixe o seu comentário

Siga-nos

Participe

Cadastre-se

Cadastre seu email para receber as últimas novidades

Ofertas