Você está em: Clikaki »   Variedades » Curiosidades » Processos na fabricação do Chiclete

Processos na fabricação do Chiclete

Saiba que os produtos derivados do petróleo são os principais ingredientes da goma de mascar. Diversas vezes quase todos nós já mascamos chicletes, em vários momentos. Para você que já se perguntou do que é feito o chiclete, ou como ele surgiu ou ainda você que nunca teve essa curiosidade mais agora, acabou ficando curioso […]

Saiba que os produtos derivados do petróleo são os principais ingredientes da goma de mascar.

Diversas vezes quase todos nós já mascamos chicletes, em vários momentos. Para você que já se perguntou do que é feito o chiclete, ou como ele surgiu ou ainda você que nunca teve essa curiosidade mais agora, acabou ficando curioso pra saber de que material é feito afinal a saborosa e divertida goma de mascar, pois agora iremos falar um pouco sobre isso.

Se formos falar industrialmente o chiclete acabou surgindo em meados de 1872, com a venda de pedaços de ceras parafinadas com alcaçuz, pelo americano Thomas Adams Jr. Porem o habito de mascar resinas de arvores, por exemplo, já havia surgido bem antes com os índios, e outros povos antigos.

Com o passar do tempo o produto foi tornando-se conhecido, pelo hábito de mascar, sendo que no Brasil tanto a fabricação como as vendas começou em 1945. Na época em que as resinas naturais mascáveis tempos antes, foi substituída por substancias sintetizadas a partir do petróleo refinado.

Acabou sendo em 1960 que surgiram os chicletes sem açúcar, para que fosse evitado possíveis problemas como caries. Porém julga-se que o material mantem os dentes limpos sendo que acaba por produzir salivas que removem resíduos de alimentos.

Fabricação do chiclete

Antes de qualquer coisa a fabricação é feita com a produção de matéria, que seria a goma base, contendo parafina e borracha sintética, a famosa substancia que “da liga” chamada emulsificantes os conservantes que prolonguem sua duração conhecidos como antioxidantes e ainda para dar volume ao chiclete é usado o carbonato de cálcio.

Todos esses ingredientes ficam em um recipiente aquecido para torna-lo homogêneo, para quando ficar pronta ser colocado em placas para serem resfriadas. Essa foi à primeira etapa, depois disso a goma base é derretida onde são adicionados outros produtos como os aromatizantes, açúcares, corantes que dão cor e aroma aos chicletes além da glicerina que serve para dar liga ao produto, e o acido cítrico que o deixa com sabor azedinho.

Depois disso a mistura é colocada para esfriar e endurecer mais uma vez, passando depois por uma maquina que corta o produto em tiras, que posteriormente são cortadas de acordo com o modelo do chiclete logo depois são embalados em papeis ou caixinhas prontos para serem entregues e consumidos.

Mas e os chicletes com calda?

As gomas com líquidos, antes de serem embaladas passam por uma maquina que é responsável por injetar o caldo na goma antes dela ser moldada de acordo com cada chiclete.

Cuidados com a saúde

Independente de como o chiclete é feito é preciso ter alguns cuidados, pois as gomas não são feitas para engolir, principalmente por crianças já que pode bloquear as vias aéreas, ou até interromper o fluxo intestinal. Além de que se mascar com a barriga vazia pode acarretar problemas estomacais que poderiam ser evitados.

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Compartilhe este artigo:

publicidade

Deixe o seu comentário

Siga-nos

Participe

Cadastre-se

Cadastre seu email para receber as últimas novidades

Ofertas