Você está em: Clikaki »   Variedades » Curiosidades » Qual é a parte mais limpa e a mais suja do nosso corpo?

Qual é a parte mais limpa e a mais suja do nosso corpo?

Bactérias

Você provavelmente toma banho todos os dias, mas sabe qual a parte mais limpa e a parte mais suja do corpo humano? Descubra

É impossível escapar das bactérias (Imagem: Reprodução)

É impossível escapar das bactérias (Imagem: Reprodução)

Por mais que a pessoa tome banho todos os dias é impossível estar totalmente limpo, não é atoa que o corpo humano é conhecido como uma casa de bactérias. Poucas partes do nosso corpo tem o prazer de poder dizer que estão limpas e totalmente livres de germes. Os locais do corpo que tem uma taxa mínima de bactérias é onde há líquidos, ou seja, as partes mais limpas são os canais por onde passam as lágrimas e a urina.

Sim, a urina humana é um líquido muito limpo, mesmo isso parecendo estranho. Ela é mais limpa do que a pele e a saliva, por exemplo. Na composição da urina é encontrado uma quantidade mínima de bactérias.

Um lugar no qual não existem bactérias no nosso corpo é na bexiga e nas partes inferiores dos pulmões. Caso alguma bactéria seja detectada nestas regiões, isso significa que a pessoa está passando por uma infecção.

A boca é a parte mais suja do nosso corpo (Imagem: Reprodução)

Em um beijo de língua, as pessoas trocam mais de 80 milhões de bactérias em dez segundo (Imagem: Reprodução)

A parte mais suja do corpo é bastante utilizada por nós no nosso dia a dia para saciarmos nossa fome, sim, estamos falando dela, a boca. Com um número gigantesco de germes, que pode ser agravado pela falta de higiene no local, a boca humana é a parte mais suja do corpo.

Algumas bactérias da boca são tão perigosas que podem causar problemas sérias à saúde, como o diabetes e doenças do coração. Mesmo escovando os dentes toda vez após uma refeição, você não está livre das bactérias. Para se ter uma ideia, de acordo com a revista científica Microbiome, em um beijo de língua, as pessoas trocam mais de 80 milhões de bactérias em dez segundos.

Compartilhe este artigo:

publicidade

Deixe o seu comentário

Siga-nos

Participe

Cadastre-se

Cadastre seu email para receber as últimas novidades

Ofertas