Você está em: Clikaki »   Educação » Biografias » Quem era o profeta Maomé resumo

Quem era o profeta Maomé resumo

Biografia

Resumo de quem foi o profeta Maomé e de como ele fundou a religião islâmica, seguida pelos muçulmanos até hoje.

Quem foi maomé

Um breve resumo sobre a vida de Maomé

POR VOLTA do ano 500 depois do nascimento de Jesus, Meca era uma das várias cidades espalhadas pelo deserto, mas tinha uma lenda única: Acreditava-se que uma pedra negra de Meca havia caído do céu. Muitas pessoas peregrinavam para lá para meditar e orar.

Em 570 D.C, Maomé nasce na cidade de Meca, filho de um comerciante humilde. Órfão de pai muito cedo, foi criado por um tio e aprendeu a trabalhar como comerciante e pastor. Maomé gostava de todas as pessoas que faziam peregrinações para sua cidade e conversava com elas durante horas.

Embora fosse analfabeto, gostava de ouvir história de Abraão e de Jesus e lembrava-se delas com muita facilidade. Quando tinha 40 anos, foi meditar numa caverna no monte Hira e teve uma visão do Arcanjo Gabriel. Maomé ficou preocupado. Não sabia se aquilo era real ou um sonho. Depois de algum tempo o arcanjo voltou a aparecer para ele e disse: “Não há outro deus além de Alá (“Deus” ) e Maomé é seu profeta”.

O arcanjo passou a ele então 6232 versos sagrados, dando-lhe a responsabilidade de difundi-los e garantir que essas novas leis fossem seguidas em todo o mundo.

Islã significa: “Submissão a vontade de Deus”. Todos aqueles que seguiram os ensinamentos de Maomé ficaram conhecidos como Muçulmanos, que tem o mesmo significado de “Crentes”. O Islã é baseado no Alcorão: o livro onde Maomé colocou as leis que recebeu do arcanjo.

Se conseguisse fazer isso, ele livraria a humanidade do inferno e tornou-se assim o Profeta Maomé, o Profeta de Alá.

Foi assim que os árabes também passaram a acreditar num único Deus. Maomé ensinou a grandeza de Deus e rejeitou a adoração de ídolos de madeira e de pedra. Muitos seguiram seus ensinamentos. Conforme as pessoas foram aprendendo de Maomé, foram deixando de lado a famosa “Pedra Negra”.

Por causa disso, Maomé e seus seguidores foram ameaçados e perseguidos pelos líderes religiosos. No ano de 622, Maomé teve que se esconder na terra de Medina, onde ficou por muito tempo. Essa época é conhecida pelos islâmicos como Ségira: O ano zero, pelo qual o calendário deles começaria.

Todos aqueles que seguiram os ensinamentos de Maomé ficaram conhecidos como Muçulmanos, que tem o mesmo significado de “Crentes”.

Todos aqueles que seguiram os ensinamentos de Maomé ficaram conhecidos como Muçulmanos, que tem o mesmo significado de “Crentes”.

Depois de viver 7 anos em Medina, o profeta Moamé conseguiu formar um exercito muito poderoso. No ano de 630, Maomé atacou a cidade de Meca, derrotou os velhos sacerdotes que haviam o expulsado e assumiu o controle da cidade. Ali se tornou o centro sagrado para os mulçumanos até os dias de hoje.

Fundador da religião islâmica, Maomé morreu em 632 D.C., não deixando sucessores, a não ser o Islã que continuou se expandindo. Conquistaram a Pérsia, Bizancio, Península Ibérica, o Norte da África entre outros.Mais tarde, passaram a controlar também as principais rotas mediterrânicas.

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Compartilhe este artigo:

publicidade

Deixe o seu comentário

Siga-nos

Participe

Cadastre-se

Cadastre seu email para receber as últimas novidades

Ofertas