Você está em: Clikaki »   Saúde » Ruptura do menisco tratamento

Ruptura do menisco tratamento

Quando se fala de ruptura do menisco geralmente pensa-se nos meniscos do joelho. Os meniscos são uns discos fibrocartilaginosos interpostos entre as superfícies articulares de forma desigual... Veja mais sobre essa lesão, qual o tipo de pessoa que é mais fácil ter e os tratamentos.

Ruptura de Menisco

Quando se fala de ruptura do menisco geralmente pensa-se nos meniscos do joelho. Os meniscos são uns discos fibrocartilaginosos interpostos entre as superfícies Ruptura de Meniscoarticulares de forma desigual. Encontrando-se em diversas articulações do corpo, como a temporomaxilar (entre o osso temporal e o maxilar inferior) o esternoclavicular (entre o esterno e a clavícula), mas o mais importante são os do joelho, localizados entre a tíbia e o fêmur.

Quantos meniscos existem no joelho?

A articulação do joelho possui dois meniscos, um interno e outro externo, constituídos por lâminas de espessura decrescente no sentido da parte central.

Qual a sua função?

Adaptar o extremo do fêmur que tem forma convexa, ao da tíbia, cujo formato é quase plano.

Que movimentos realizam?

Quando se flexiona o joelho, os meniscos movem-se para frente, enquanto que quando se estende, movem-se para trás.

Que lesões podem sofrer?

Uma fissura ou fratura, especialmente no joelho direito e no menisco interno, que é mais frágil que o externo.

Como produz-se a lesão?

Devido a uma forte torção da coxa sobre a perna fixa no chão, combinada com um movimento de extensão brusco que deve-se a uma flexão forçada. O caso do jogador de futebol que chuta em posição desequilibrada e do esquiador que ao cair enterra seu esqui são ilustrativos do esforço que dá lugar a uma ruptura do menisco.

A que pessoas atinge mais?

Sem dúvida aos desportistas, e entre eles, os que praticam futebol.

Como se manifesta?

Com uma dor aguda na parte intensa ou externa do joelho, de acordo com o menisco que foi lesado. O paciente não pode andar nem apoiar o pé no chão. Frequentemente o segmento desgarrado desloca-se e se produz o chamado bloqueio da articulação, que traduz na impossibilidade de estender a perna. O joelho desbloqueia-se por se mesmo com o tempo, mas, se não é tratado, aos poucos forma-se um bloqueio em seu interior.

O que deve-se ser feito se suspeita que há uma lesão de menisco?

Imobilizar o membro afetado e procurar um traumatologista, o qual, mediante uma artrografia, estabelecerá o diagnóstico.

Que tratamento requer?

O único possível, que é cirúrgico, consistindo na eliminação do menisco lesionando.

Os resultados são bons?

Excelentes se tratar-se de uma lesão recente.

O que acontece se não se tratar adequadamente?

Um menisco lesado cicatriza mal por si mesmo, e em geral, degenera para uma atrose progressiva que não pode ser corrigida cirurgicamente.

Esta operação impede a prática posterior de um esporte?

Não, em absoluto. A recuperação é completa depois do tempo adequado de reabilitação da extremidade.

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Compartilhe este artigo:

publicidade

Deixe o seu comentário

Siga-nos

Participe

Cadastre-se

Cadastre seu email para receber as últimas novidades

Ofertas