Você está em: Clikaki »   Saúde » Sintomas do Mal de Alzheimer

Sintomas do Mal de Alzheimer

O mal de Alzheimer é uma doença silenciosa. O sintoma mais comum é a perda de memória.

A doença de Alzheimer foi descoberta por Alois Alzheimer de quem herdou o nome.

O mal de Alzheimer é uma doença silenciosa. O sintoma mais comum é a perda de memória. A doença ainda não tem cura e atinge cerca de 1 milhão e meio de brasileiros, na maioria, idosos.

A causa da doença também é desconhecida e embora não existam medicações curativas, existem drogas que atuam no cérebro tentando bloquear a evolução da doença, podendo, em alguns casos, manter o quadro clinico do paciente estabilizado por um tempo a mais.

Ela é uma doença degenerativa que destrói os neurônios, depois de perder a memória, evolui para a incapacidade de falar e até mesmo de engolir. Alguns estágios depois, a pessoa perde todos os movimentos do corpo e, por fim, a perde a consciência.

Dependendo da situação, durante a evolução da doença, a pessoa pode apresentar mudanças de temperamento e comportamento, já que o alzhaimer pode afetar outras áreas do cérebro, além da memória, fala e movimentos.

O estágio inicial, principalmente para com os portadores idosos, é negligenciado pela família, que acredita que “a pessoa já está ficando passando da idade, já está ficando velha…”. Como é gradual, é dificil identificar exatamente o seu inicio.

Mas, algumas características estranhas começam a aparecer: a pessoa pode começar a falar com dificuldade, perder motivação e iniciativa, ter sinais de depressão e desorientação de espaço e tempo. Logo começa a se esquecer fatos recentes e nomes de pessoas.

No estagio avançado, os sintomas se tornam evidentes. O portador já começa a demonstrar sinais de que não consegue se alimentar mais sozinho. Não reconhece seus familiares, amigos. Não entendende o que está acontecendo a sua volta. Dificilmente consegue controlar suas necessidades fiosiológicas.e sente a dificuldade de se locomover sozinho.

Nem todos os portadores da doença terão os mesmos sintomas. Não existe um padrão único de evolução da doença para todas as vítimas. A determinação de estágios ou fases serve como guia para verificar a progressividade da doença que ajudarão aos familiares a conhecerem os principais problemas, permitindo que os ajustes sejam feitos para as necessidades do portador.

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Compartilhe este artigo:

publicidade

Deixe o seu comentário

Siga-nos

Participe

Cadastre-se

Cadastre seu email para receber as últimas novidades

Ofertas