Você está em: Clikaki »   Educação » Ciências » Impressoras 3D e sua polêmica

Impressoras 3D e sua polêmica

Impressoras 3D

Assim como videogames que matam pessoas, a TV que faz lavagem cerebral as impressoras 3D também tem sua discussão ética

form1-interna1

Em um futuro não muito distante, poderíamos ter em casa uma impressora 3d e nós mesmo iriamos projetar ferramentas na medida certa de nossa necessidade. Aquele parafuso que nem uma chave que você tenha consegue tirar ou um acessório para por lanterna enquanto você olha o sótão ou apenas uma ideia brilhante que teve durante a tarde, você mesmo poderia fazer!

Bem é claro que algumas pessoas “progressistas” imaginaram algo alem de uma ferramenta pacifica como a chave de fenda. Como no caso do Japão que um ser decidiu fazer uma arma e agora o governo Japonês quer proibir o uso de impressoras 3D. Bem… a verdade é que podemos fazer uma arma em uma impressora 3D, mas agora se ela funciona isso é outra discussão. A propaganda hippie e pacifista diz que caso você tenha uma impressora 3D em casa ela vai começar a imprimir sem que você peça armas como Lança foguetes Ak47 e talvez até um tanque de guerra se você der um pouco mais de tempo a ela. Pelo o que vemos e pesquisamos na Web as armas produzidas pelas impressoras são ridículas, elas não tem precisão nem uma e a maioria estraga no 4 disparo. Algumas pessoas tem dificuldade em entender que armas não matam pessoas, PESSOAS MATAM PESSOAS!

A Inútil discussão das “mortais” e “perigosas” impressoras 3D é inútil para algumas pessoas, algumas destas que estão no governo por algum motivo. Como disse o nosso Ex presidente da republica o senhor Fernando Henrique Cardoso: ” mudar é algo difícil, e muitas vezes impopular para quem esta no governo”. Isso se traduz em um… se a maioria ignorante acha que impressoras 3D são um perigo para nossa sociedade o governo para não ficar impopular e continuar governando vai proibir, e isso vindo de um  ex presidente que defende a legalização do uso da maconha.

2-impressao-3d-face

Hoje muitos de nós critica a igreja por ser “conservadora” e a culpa pelo “atraso” de nossa sociedade, estas pessoas talvez sejam as mesma que estejam na marcha da maconha ou em outros “projetos progressistas” e ainda falam de nosso governo acusando o de ser fascista, mas estas mesmas pessoas quando confrontadas com a posse e o uso da arma de fogo são totalmente contra por serem “pacifistas”, prejudicando assim o progresso de nossa sociedade fazendo pressão contra um equipamento que pode mudar a vida das pessoas.

 

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Compartilhe este artigo:

publicidade

Deixe o seu comentário

Siga-nos

Participe

Cadastre-se

Cadastre seu email para receber as últimas novidades

Ofertas