Você está em: Clikaki »   Atualidades » Notícias » No Rio, manifestantes mascarados poderão ser levados à delegacia

No Rio, manifestantes mascarados poderão ser levados à delegacia

Protestos

A medida foi tomada apenas no Rio de Janeiro e visa identificar aqueles, que por ventura, cometam atos de vandalismo.

Proibir uso de máscaras

Quem estiver usando máscara poderá ser levado à delegacia (Foto: Adriana Francios / Agencia RBS)

O Ministério Público do Rio de Janeiro adotou nessa terça-feira (3) uma medida que talvez não tenha agradado os manifestantes: Todo aquele que estiver usando máscaras, camisas, capuzes, lenços, ou qualquer objeto que atrapalhe a identificação do manifestante, terá de apresentar um documento de identidade com foto e poderá ser levado para uma delegacia com a acusação criminal. Se a pessoa se recusar a ir, poderá ser levada à força.

Quando chegar à delegacia, o protestante terá uma foto do rosto e suas impressões digitais cadastradas.

De acordo com os promotores, essa medida ajudará a garantir o direito de os manifestantes pacíficos não serem confundidos com manifestantes vândalos. Além disso, A Comissão Especial de Investi gação de Atos de Vandalismo, também adota a medida para menores de idade.

Com os rostos descobertos é bem provável que alguém que queira depredar um patrimônio público pense duas vezes antes de cometer tal ato. Não está proibido o uso da máscara, mas a pessoa que for abordada na manifestação usando-a terá de se identificar e poderá ser levada a uma delegacia. O coronel Paulo Henrique fez questão de salientar:

“A pessoa não será presa. Ela poderá voltar para a manifestação, inclusive voltando a usar a máscara. Mas sabendo que será abordada todas as vezes que passar por uma barreira policial e terá de repetir todo esse procedimento.”

A determinação ainda prevê que toda abordagem seja filmada para que evite excessos por parte dos policiais.

A Justiça do Rio também obriga os policiais a se identificarem e usarem coletes com a sua numeração visível, mas não proibiu de policiais a paisana de realizar prisões em flagrante durante os protestos.

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Compartilhe este artigo:

publicidade

Deixe o seu comentário

Siga-nos

Participe

Cadastre-se

Cadastre seu email para receber as últimas novidades

Ofertas