Você está em: Clikaki »   Variedades » Dicas » O que é um aneurisma cerebral

O que é um aneurisma cerebral

É uma bolsa formada pela dilatação ou pela ruptura da parede de uma artérias ou de uma veia. Quando a zona dilatada toma forma esférica dá-se o nome de aneurisma sacciforme, ou quando tem forma comprida, aneurisma fusiforme.

O que é um aneurisma cerebral

O que é um aneurisma?

É uma bolsa formada pela dilatação ou pela ruptura da parede de uma artérias ou de uma veia. Quando a zona dilatada toma forma esférica dá-se o nome de aneurisma sacciforme, ou quando tem forma comprida, aneurisma fusiforme.

Se se romperem as partes internas da parede do vaso sanguineo, aparece o aneurisma dissecante, mas se a parede se romper totalmente diz-se então falso aneurisma.

Qual pode ser a sua origem?

Os aneurismas mais freqüentes são, sem dúvida, os congênitos, como também há doenças que favorecem, de forma especial, a sua presença.

Porque são formados os aneurismos congênitos?

Porque algumas pessoas ao nascer já tem as paredes de certos vasos fracos, e a pressão sanguínea dilata progressivamente os pontos menos resistentes. Em muitos adultos os aneurismas são encontrados principalmente no cérebro, os quais foram formados lentamente com o correr dos anos e nunca chegam a manifestar-se.

Quais as doenças que provocam com mais frequência um aneurisma?

Destacam-se pela sua gravidade as provocadas na aorta pela sífilis e arteriosclerose. Outras causas são as contusões, as doenças do tecido conectivo e algumas infecções que de alguma maneira alteram ou enfraquecem a parede dos vasos sanguíneos.

Quando se pode suspeitar que há aneurisma?

Visto que, geralmente evolui sem provocar sintomas, o aneurisma cerebral pode ser detectado casualmente quando se vai ao médico por outro motivo ou quando acontece uma ruptura. Isto acontece com mais frequencia entre os 35 e 65 anos e em pessoas que tenham a pressão arterial alta.

Geralmente acontece quando o paciente está executando uma atividade física.

Como acontece a ruptura de um aneurisma?

O vaso, ao romper-se, produz uma grande hemorragia, que invade várias partes do cérebro e provoca uma repentina e intensa dor de cabeça. Imediatamente o paciente entra em estado de coma.

Qual a probabilidade de recuperação?

Depende muito do tamanho e da localização do aneurisma rompido. Em alguns casos o paciente morre antes de cinco minutos. Em outros casos a recuperação é imediata após o coma, permanecendo o paciente em estado de confusão mental durante algum tempo. É comum que fiquem seqüelas, tais como cegueira, ou paralisia no rosto ou nas extremidades, e existem probabilidades de novas rupturas.

Se o paciente sobreviver, qual será o tratamento adequado?

Primeiro ele tem que se recuperar do coma. Depois da estabilização será feita uma cirurgia que tem a finalidade extirpar o aneurisma rompido e, se for necessário, substituir o espaço vago do vaso sanguineo danificado.

Parece que para se diagnosticar e se saber a gravidade das lesões causadas, é de grande utilidadidade o uso da tomografia computadorizada.

A tomografia permite obter imagens radiológicas de uma série de planos sucessivos, que em uma radiografia normal apareceriam superpostos. Com ela pode-se obeservar com precisão a ruptura do aneurisma inclusive a seriedade da hemorragia.

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Compartilhe este artigo:

publicidade

Deixe o seu comentário

Siga-nos

Participe

Cadastre-se

Cadastre seu email para receber as últimas novidades

Ofertas